.

Características do Iluminismo e principais pensadores

. .
O Iluminismo foi um movimento filosófico que surgiu em fins do séc. XVII e início do século XVIII. Esses homens acreditavam que a razão era a única forma de se chegar ao conhecimento e de se construir uma sociedade mais justa. Para eles, a razão era a luz da humanidade, a luz que iluminaria os homens, daí o nome Iluminismo.
Para os iluministas, todos os homens eram iguais e por esse motivo não deveriam receber o mesmo tratamento. A liberdade era a característica fundamental. Qualquer homem deveria ter a liberdade para falar aquilo que quisesse, desde que não interferisse na liberdade do outro. Todos os homens também deveriam ser livres para escolher sua religião, fosse qual fosse.

Iluminismo e suas principais características.
Portugal também experimentou o Iluminismo em 1750 durante o governo
de Marquês de Pombal (1° ministro de D. José I). Essa época ficaria comhecida
como "era pombalina".

A religião também foi muito criticada pelos iluministas, pois o poder da Igreja estava baseado na fé e não necessitava de provas científicas, contrariando a razão dos iluministas.
As leis deveriam ser formuladas pelas diversas camadas da sociedade e aprovadas por estas camadas, e não impostas por um rei, como acontecia no Estado Absolutista.
Os iluministas também pregavam que todos os homens deveriam ter acesso ao conhecimento científico; para isso, formularam um livro que pudesse conter o maior número de informações possíveis: a Enciclopédia. A Enciclopédia trazia em seu conteúdo diversos assuntos (medicina, filosofia, matemática, física e astronomia) com o máximo de informações sobre eles.

Os principais pensadores iluministas

Principais pensadores iluministas
Diderot, um dos grandes pensadores do iluminismo
e organizador da Enciclopédia.

  • Montesquieu (1689-1755) - Jurista francês que escreveu o livro Espírito das Leis, em que defendia a divisão do poder do estado em três órgãos: o Poder Legislativo, o Judiciário e o Executivo;
  • Voltaire (1694 - 1778) - Um do maiores pensadores da sua época. Em seus vários livros, fez inúmeras críticas ai absolutismo e à intolerância religiosa. Sua luta pela liberdade representa-se bem nesta frase: "Posso não concordar com nenhuma das palavras que você diz, mas defenderei até a morte o direito de dizê-las";
  • Diderot (1713 - 1784) e D'Alembert (1717  - 1783) - Foram os principais organizadores da Enciclopédia, que continha 33 volumes;
  • Rousseau (1712 - 1778) - Nasceu em Genebra, na Suíça, transferindo-se para Paris em 1742. Sua principal obra foi O Contrato Social. Neste livro, Rousseau destaca que o soberano deve governar o Estado de acordo com as vontades do povo;
  • Kant (1724 - 1804) - Filósofo alemão que fez diversas críticas ao racionalismo. Seu principal livro foi A Crítica da Razão Pura.
O Iluminismo foi fonte de ideias e motivações para a Revolução Francesa. Saiba mais CLICANDO AQUI.

Nenhum comentário

Agradecemos o seu comentário! Em breve ele será publicado.