O que é Hora-Atividade do Professor ?

. .
Hora atividade do professor ou hora pedagógica, é um momento em que o educador tem disponível, dentro da sua grade horária para preparar seus conteúdos para as aulas, tirar dúvidas dos alunos, atender pais e responsáveis, alunos e outros.

Não cabe mencionar somente, que é algo regulamentado por lei em várias localidades. Acredito que o bom preparo de um aula e a disponibilidade do gestor de educação, em ceder esse horário para um educador é algo fundamental para a sobrevivência de um bom sistema de ensino. Assuntos deste tipo em tese, não devem depender de leis e, é ridículo quando se faz necessário um dispositivo jurídico para que se cumpra este tipo de necessidade.

Hora-atividade é um momento de corrigir provas, preparar
conteúdos, corrigir cadernos, etc. É um momento de muito
trabalho. (créditos: pixabay)

A Hora-atividade do professor é essencial para elevar o patamar do ensino brasileiro a níveis aceitáveis. Conheço escolas em outros países que o tempo de preparar aulas é proporcional ao tempo em sala de aula. Ou seja, um por um. No Brasil, a lei regulamenta que 1/3 do tempo do professor deva ser usado para cumprimento de hora-atividade.

Em um quadro de carga horária de 20 horas semanais temos:

- Hora-aula deve ser considerado de 60min independente do período ser de   50, 45 ou 40 minutos.

- O tempo restante é  considerado de  permanência de  interação com o   educando, totalizando o período de 13 horas x 60min =780min /60 min = 13   (períodos) horas-aula.

Ou seja, em um regime de trabalho de 20 horas semanais  fica da seguinte forma:

-  13 horas-aula de 60min (independente da duração do período de aula) 

-   7 horas restantes hora-atividade;

1. Importância da hora atividade para o professor e alunos.

É fundamental que o professor planeje suas aulas. Esta antecedência requer muito tempo disponível. Alguns governos estaduais e municipais passaram a brigar contra este direito, entendendo como um tempo vago ou aumentando a carga horária do professor em sala de aula e diminuindo o tempo de hora-atividade.

Lembro ainda, que um professor não cumpre somente horários em sala de aula. Quantos educadores não dispõem do seu tempo "livre" para atendimento a alunos, pais, para ajudar na manutenção física do prédio da escola, etc.  

Convém ainda pontuar, que 7 horas são pouco para preparar 13 aulas, com o nível que um professor gostaria. Principalmente levando em consideração que a maioria das escolas não dispõem de um espaço adequado para que o professor prepare suas aulas. Com pouco tempo de sobra, o professor acaba ficando amparado somente no livro didático e a aula fica prejudicada.

1.1 A legalidade da hora-atividade.

Vi uma notícia recente que um governo estadual dividiu algumas horas-atividades para serem realizadas fora do ambiente escolar. Uma contestação jurídica caberia neste caso absurdo. O professor é agente de ensino dentro da escola, está lotado na instituição e exerce suas atividades dentro do limite da empresa. Se levar em conta, que o professor ,enquanto trabalhador contratado pelo estado, está a serviço do mesmo realizando hora- atividade fora do ambiente escolar, então concluímos que está sob a tutela do estado. Caso um professor, se acidente fora do ambiente escolar poderá notificar um acidente de trabalho, alegando que estava a serviço do estado realizando hora-atividade remunerada.

Em alguns casos a hora-atividade serve para dar um
atendimento especial para alunos com dificuldade em
determinada disciplina. (Fonte: internet)

Em um caso no Rio Grande do Sul, uma professora ganhou uma ação contra uma escola por utilizar seu tempo livre, em casa, para lançar notas. Entendeu o magistrado que ela deveria ser remunerada por este tempo dedicado ao trabalho fora do ambiente escolar.

Algumas instituições privadas contratam professores e os registram com outra função como Instrutor, Educador, Monitor, somente para não pagar as horas-atividades que um Professor tem direito. Como trabalho com vagas de emprego, sei que isto é comum.

A hora-atividade em que o professor passa preparando suas aulas é sagrada, faz parte do planejamento de um bom trabalho. A tentativa de reduzir as mesmas ou inibir a aplicação, fazendo contratação com outra ocupação na carteira de trabalho é vergonhosa. Não compactue com empresas ou entidades que violam o direito do professor. Sejam elas públicas ou privadas.

Professor mais tempo em sala de aula, sem preparar suas aulas com tempo e criatividade, não significa uma melhora do ensino. Eu aposto U$ 10.000  com quem me provar com dados estatísticos que professores com mais tempo em sala de aula e, menos tempo preparando um conteúdo de qualidade e envolvente melhora a qualidade do ensino.



Luis Korani
- Administrador e Professor -






_________________________________________________
Referências:
Corrigir provas e lançar notas gera horas extras. Fonte: http://www.conjur.com.br/2013-ago-13/corrigir-provas-casa-lancar-notas-gera-horas-extras-professor - Acesso em Fevereiro de 2017.
Parecer CNE/CEB nº 9/2012, aprovado em 12 de abril de 2012 - Implantação da Lei nº 11.738/2008

7 comentários:

  1. Olá, muito interessante o debate, mas gostaria se professor pode usar esta hora para fazer um curso de formação continuada fora da escola??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Os cursos de formação continuada quando exigidos pelo empregador (público ou privado) são computados como hora trabalhada, não interferindo na hora atividade. A Hora atividade deve ser exclusiva para preparação de aulas. Caso o professor deseje, fazer um curso de formação por conta própria, pode solicitar um licença para esta atividade. No caso do serviço público, muitas vezes é remunerada. Na iniciativa privada depende de cada instituição.
      Espero ter respondido sua dúvida.

      Excluir
  2. A hora atividade é só para planejamento de sua aula....

    ResponderExcluir
  3. Sugiro que o autor se informe melhor sobre a função da hora-atividade, visto que esta não é exclusivamente para planejamento... como prevê o art. 67, inciso V da LDB, o período de hora atividade é reservado para ESTUDOS, PLANEJAMENTO e AVALIAÇÃO... E também, todo professor sempre trabalhou em sua residência planejando, corrigindo e estudando antes mesmo da implementação da lei 11.738/2008... sem que fosse considerado "sob tutela do Estado"... esta lei veio para equilibrar a equação e remunerar um trabalho que sempre existiu, mas nunca foi remunerado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradecemos o comentário. Este foi apenas uma abordagem superficial, inspirada na redução da hora atividade por alguns governos . Colocaremos em pauta sua sugestão, para uma abordagem mais elaborada.

      Excluir
  4. Ola, tenho duvidas em relaçao ao não comprimento disso. Estou a semanas sem hora atividade e sendo a unica funcionaria para abrir a instituição mais a funcionaria por causa de atestados. A diretora me diz que quem pegou atestado vai me pagar as horas. Gostaria de saber o que posso fazer em relação a isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Em relação a sua dúvida é interessante pontuar se : professor da rede privada tem o amparo do sindicato da categoria para estas questões. Caso seja da rede pública poderá abrir um protocolo de reclamação no núcleo de educação. É inadmissível que um professor seja privado do tempo de planejamento das aulas.

      Excluir

Agradecemos o seu comentário! Em breve ele será publicado.

.